São Joaquim News: Itapajé: Dr. Rodrigo Ferreira Gomes é abruptamente retirado da escala de plantões da Fusec e atende população na calçada

quinta-feira, 25 de outubro de 2018

Itapajé: Dr. Rodrigo Ferreira Gomes é abruptamente retirado da escala de plantões da Fusec e atende população na calçada

Uma cena inusitada ocorreu no município de Itapajé na manhã desta quinta-feira, dia 25. Quem procurou atendimento no hospital municipal João Ferreira Gomes (Fusec), se surpreendeu ao constatar que um dos mais competentes médicos do município, Dr. Rodrigo Ferreira Gomes, atendia a população do outro lado da rua, na calçada.

Ao conversar com o médico, o editor deste blog foi informado de que Dr. Rodrigo estava escalado para o plantão desta quinta, mas ao chegar à unidade hospitalar foi informado de que já havia outro médico em seu lugar. Rodrigo disse que não foi avisado previamente da substituição e, por tanto, cumpriria seu plantão, mesmo que fosse do lado de fora da Fusec.

Obtivemos a informação ainda de que os profissionais de saúde do município – médicos e enfermeiros – estão insatisfeitos com o novo regime de contratação adotado pelo município. Desde o último mês a contratação dos profissionais é feita através de uma empresa terceirizada, a Coopervida – Cooperativa de Trabalho e Assistência à Saúde e à Vida Ltda (CNPJ: 22.197.319/0001-91), que venceu licitação no valor de R$ 10.461.102,24 (dez milhões, quatrocentos e sessenta e um mil, cento e dois reais e vinte e quatro centavos) para fornecer a mão-de-obra qualificada para o hospital. Apesar da vultosa soma, os médicos afirmam que o valor de seus plantões não sofreu reajuste, muito embora a Coopervida cobre muito mais pelos plantões de seus “cooperados” do que aquilo que chega às mãos dos profissionais. Em resumo, a população paga mais caro pelo atendimento em saúde, mas os médicos não sabem para aonde está indo o dinheiro “extra”.  

O diretor-geral do nosocômio, Alex Leite, atribuiu o incidente a um mau entendido.  

Enquanto atendia na calçada em frente à Fusec, Dr. Rodrigo Ferreira Gomes ouvia palavras de incentivo da população e uma longa fila era formada por pessoas que queriam ser consultadas por ele. Pacientes chegaram a deixar o hospital porque preferiam ser atendidas por Dr. Rodrigo.

O médico deu a entender que seu não alinhamento político com cúpula da administração municipal poderia ser a causa do problema.

Fomos informados ainda de que outro prestigiado médico da unidade, Dr. Lemuel Henrique Gomes está deixando a direção clínica da Fusec.


Mardem Lopes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DESTAQUES DA SEMANA